O interior do Paraná oferece turismo histórico, ecoturismo e turismo de aventura para famílias que buscam roteiros alternativos para as férias de fim de ano. Com lagos, parques, igrejas, templos e museus, cidades como Maringá, Cascavel e Guaíra garantem atrações para todas as idades. Localizada ao norte do Paraná, a 425 km de Curitiba, Maringá é uma cidade que exala cultura. A supervisora de hospedagem do hotel Deville Business Maringá, Gisele Shintani, destaca os passeios no Templo Budista Jodoshu Nippakuji e Parque do Japão, que trazem as referências da cultura nipônica presente na cidade. “A Catedral Nossa Senhora da Glória e o Mercadão Municipal também não podem ficar fora deste passeio”, afirma Gisele. Para as crianças o Parque do Ingá, inaugurado em 1971, é uma atração imperdível. Numa área de 47,3 hectares conta com um lago artificial, zoológico, parque infantil, a “Gruta Nossa Senhora Aparecida” e um jardim imperial japonês. Mais ao Oeste do estado, a 424 km de Curitiba, a cidade de Cascavel tem um turismo voltado para a natureza. Segundo o gerente do hotel Deville Express Cascavel, Wilson José Gregoletto, passeios nos arredores do município são ideais para quem busca ecoturismo e turismo de aventura. “Dentre as atividades e locais que julgo mais interessantes para férias em família, é o Lago Municipal, com 4 km de pista para caminhada, reserva ambiental, uma igreja histórica e um zoológico. O Recanto do Lago, que fica a 16 km da cidade, é ideal para a pesca, e a Ponte Molhada, localizada a 20 km da cidade, com muito verde, cachoeiras e local para acampamento”, finaliza Wilson. Ainda mais ao Oeste, o município de Guaíra fica na divisa entre o Brasil e o Paraguai, mas suas atrações vão muito além da fronteira. A gerente operacional do hotel Deville Express Guaíra, Camila Terrón, garante que grande parte do potencial turístico da cidade está na sua história, que pode ser melhor compreendida no Museu Sete Quedas, na Igreja Nossa Senhora dos Navegantes, fundada em 1955, e na Igreja de Pedra Nuestro Señor Del Perdón, uma capela Espanhola construída com pedras das Sete Quedas. “Um dos meus locais preferidos é o Cruzeiro das Américas, com seus mitos e suas lendas, datado de 1556. Fica junto ao Centro Náutico Marinas, uma área de lazer em forma de aldeia, com infraestrutura para diversas atividades culturais, esportivas e de lazer”, complementa Camila. Leia também:Deville Curitiba traz itens da culinária paranaense em prato especialFestival de teatro movimenta a capital paranaenseGuaíra recebe Campeonato Paranaense de Slackline neste fim de semana




Veja também

Como escrever um e-mail corporativo?

5 ótimos passeios bate e volta saindo de Curitiba

Reserva online