Viagem e Turismo

Dublin

Por Administrador em 2 de agosto de 2012

Os Leprechauns são pequenos, ágeis e muito brincalhões. Em um primeiro contato, são ariscos; mas se simpatizam com você, se tornam amigáveis – podem até mesmo te guiar até seus potes de ouro e tesouros escondidos, dos quais são guardiões. Pode-se dizer que um dos personagens mais clássicos da cultura irlandesa é também uma verdadeira metáfora de seu país. Agitada, divertida, amistosa e alegre, a Irlanda é um destino intrigante. Assim como sua capital, Dublin. Ao desembarcar no Aeroporto Internacional de Dublin, você estará a apenas 11 km do centro, um trajeto que pode ser feito de ônibus ou táxi. Na cidade, cuidado: os carros trafegam do lado esquerdo da pista e os volantes ficam do lado direito dos veículos. Se você não quiser testar suas habilidades no trânsito, pode conhecer a cidade com o sistema de metrôs e ônibus. A maioria dos pontos turísticos se encontra no centro. Conheça alguns dos principais: História e cultura O Rio Liffey, que corta a cidade, convida os turistas para uma caminhada longa e sem pressa. Próxima às suas margens está a Christ Church, catedral construída em 1038 e que tem como principal atração a sua sombria cripta. Outra obra impressionante é a St. Patrick Church, a maior igreja da Irlanda, construída em 1190. St._Patrick_Church.jpg St. Patrick Church O passeio pelas atrações históricas continua pelos castelos da região. O Dublin Castle, construído no século 18, abrigou o governo por sete séculos, e o Malahide Castle, construído no século 12, pertenceu à mesma família até 1973. Andar pelos seus jardins e corredores é uma emocionante viagem no tempo. Malahide_Castle.jpg Malahide Castel Visite também o Trinity College, a universidade mais antiga da Irlanda, que carrega nomes de peso em sua história. Oscar Wilde e Bram Stoker, autor de Drácula, estão entre eles. Trinity_College.jpg Trinity College Para saber mais sobre a história da Irlanda, o Museu Nacional é o lugar certo. Já a Galeria Nacional reúne obras de arte poderosas, entre elas peças de Caravaggio. Se você quiser conhecer mais sobre os (vários) escritores nascidos em Dublin, visite o Dublin Writers Museum, que reúne objetos relacionados a James Joyce, Brendan Behan, Samuem Beckett, entre outros. James Joyce possui um outro local dedicado a ele na cidade: o James Joyce Museum, localizado na casa onde o escritor morreu – uma construção impressionante que serviu como torre de proteção contra as tropas de Napoleão Bonaparte, no século 19. Para um passeio mais tranquilo, siga para o Phoenix Park, um dos maiores parques urbanos do mundo. Além de belíssimas paisagens, o parque abriga a casa do Presidente da Irlanda e mansões da alta sociedade. O parque é o preferido de Izabela Monteiro , que morou dois anos na cidade para trabalhar e estudar. De acordo com ela, os parques de Dublin são ótimas opções de passeio, mas Phoenix Park se destaca: “A melhor época do ano para ir é a primavera, o lugar fica cheio de tulipas e outros milhares de tipos de flores”. Phoenix_Park.jpg Phoenix Park Izabela também indica uma pequena viagem de alguns dias nas proximidades: Cliffs of Moher. As escarpas localizadas à beira mar chegam a mais de 214 metros de altura. Um cenário estonteante, onde são realizados eventos especiais com frequência, “Cliffs of Moher é imperdível. São umas quatro horas de carro, mas são uma das maravilhas do mundo, e os shows são incríveis”, conta Izabela. Compras, bares e muita cerveja Uma viagem a Dublin passa obrigatoriamente pela região de Temple Bar, onde os pubs mais famosos da cidade se reúnem e a festa é praticamente ininterrupta. Os bares que dominam o cenário à noite cedem seu espaço às galerias e teatros durante o dia. A diversão está garantida 24 horas por dia. Entre os pubs mais tradicionais estão a Porterhouse, uma cervejaria com pratos típicos irlandeses, a Abbey Tavern, com shows de música irlandesa. A dica é jantar na região e provar os tradicionais stews (sopas de carne), a Shepherd’s Pie (torta de batata com carne) e o Fish and Ships (peixes cobertos por massa e fritos). Na Temple Bar também é possível realizar passeios guiados para conhecer marcos históricos da música e da literatura – respectivamente, os tours Tradicional Irish Musical Pub Crawl e Literary Pub Crawl. Outro passeio clássico é a Guinness Storehouse. A fábrica de Guinness oferece visitas guiadas – com degustação – e um bar no terraço, tudo em uma construção histórica, com traços preservados da cervejaria original. Guinness_Storehouse.jpg Guinness Storehouse Se você puder optar por uma data para realizar a sua viagem, viaje em março. É nesse mês, no dia 17, que é comemorado o St. Patrick’s Day, o Dia de São Patrício, padroeiro do país. A festa é tão forte que hoje extrapola as fronteiras da Irlanda e é comemorada até mesmo no Brasil. Ao longo do tempo, o St. Patrick’s Day incorporou uma infinidade de tradições irlandesas, se tornando uma emocionante homenagem ao próprio país, além de uma celebração em nome de seu padroeiro. Leprechauns, trevos de três folhas (que eram usados por São Patrício para explicar a Santíssima Trindade), a cor verde (que represente a primavera, período em que é realizada a festa) e, claro, a cerveja (símbolo da amizade e da alegria, importantíssimas para os irlandeses) caracterizam as festividades. Dicas de quem já foi Compras, pubs, cerveja, cultura ou cenários dignos de contos de fadas. Seja qual for o motivo da sua viagem, prepare-se para se apaixonar por essa cidade fria e um tanto chuvosa, mas ainda assim alegre e festiva. Rafael Paluza, que morou um ano na cidade, conta que os irlandeses são hospitaleiros e incentiva a curiosidade, “Procure fugir dos pubs mais turísticos e tente descobrir points mais locais”. A dica é pedir informações aos locais, ou aos brasileiros que moram na cidade – muitos estudantes escolhem a Irlanda para realizar intercâmbio graças à possibilidade de aliar trabalho e estudos. Outro conselho precioso é ficar de olho nas agendas culturais, “Confira o calendário de shows, que costuma ter ótimas atrações durante todo o ano”. Pubs_de_Dublin.jpg A cidade é famosa por seus pubs




Veja também

Categoria Premium é inaugurada no Deville Prime Salvador

Os melhores países para fazer intercâmbio

Reserva online