A Copa do Mundo é uma das competições esportivas mais importantes do mundo. Ela reserva diversas curiosidades e fatos históricos ao longo de suas edições. Conheça algumas.

A Copa do Mundo de 2018 na Rússia é a 21ª edição do mundial de futebol e já reserva algumas curiosidades diferentes de todas as outras. Separamos alguns fatos interessantes não apenas do torneio que está acontecendo neste momento como também das outras 20 Copas que já rolaram. Confira!

Árbitro de Vídeo (VAR)

Esta edição da Copa do Mundo é a primeira na história a utilizar o Árbitro de Vídeo (VAR) em suas partidas. Depois de 2 anos realizando testes, a FIFA, junto à IFAB – órgão que regulamenta as leis do futebol – decidiram liberar a tecnologia na competição. O VAR (Video Assistant Referee, como é chamado em inglês) pode atuar em situações em que ele entende que houve um erro claro do árbitro de campo, precisamente visando auxiliar na marcação ou desmarcação de pênaltis, utilização do cartão vermelho, validação ou não de gols e confusão de identidade, caso o árbitro não saiba que jogador cometeu a falta.

Menor nação a jogar uma Copa

A Islândia é o país com a menor população entre todos os países da história das Copas a disputar um mundial. Com 335 mil habitantes, os vikings de gelo revolucionaram o futebol do país em pouco mais de uma década e atualmente ocupam o 18º lugar no ranking da FIFA. Infelizmente, a pequena nação foi eliminada na primeira fase, mesmo com uma atuação memorável no empate por 1 a 1 contra a Argentina.

Maior artilheiro de todas as Copas

Na Copa do Brasil em 2014, o atacante alemão Miroslav Klose tornou-se o maior artilheiro de todas as Copas ao marcar 2 gols na campanha que culminou com o título alemão. Ao todo, o jogador marcou 16 gols, ultrapassando o brasileiro Ronaldo com 15. Ambos estão aposentados. O também alemão Thomas Mueller é o jogador em atividade com mais gols anotados em mundiais: 10, contando com a atual edição do torneio.

Que chocolate!

Na Copa do Mundo da Espanha em 1982, a seleção da Hungria aplicou a maior goleada da história dos mundiais. Os húngaros venceram a seleção de El Salvador por nada menos que 10 a 1. Nas últimas edições, a Alemanha – eliminada precocemente da Copa da Rússia ainda na primeira fase – protagonizou os placares mais elásticos: 8 a 0 contra a Arábia Saudita em 2002 e, como esquecer?, 7 a 1 contra o Brasil em 2014.

Uma criança!

O jogador mais novo a estrear em uma Copa do Mundo foi o jovem Norman Whiteside da Irlanda do Norte. No mundial de 1982, na Espanha, o meia da seleção norte-irlandesa entrou em campo com 17 anos, 1 mês e 10 dias na partida contra a Iugoslávia no dia 17 de junho de 1982. Neste ano, o atleta mais jovem foi o australiano Daniel Arzani, nascido em 4 de janeiro de 1999. Curiosamente, nenhum jogador que participou do evento nasceu no século 21.




Veja também

Como escrever um e-mail corporativo?

5 ótimos passeios bate e volta saindo de Curitiba

Reserva online