Para quem vai viajar, alugar um apartamento na cidade visitada pode ser uma maneira de controlar os gastos e ter liberdade. Diversos sites dispõem dessa possibilidade, mas o mais usado deles é o AirBnB. Em todos os lugares do mundo existem opções de apartamentos inteiros ou até mesmo quartos, parar torna a viagem mais em conta. Para Helô Righetto, do blog Aprendiz de Viajante, a experiência de alugar um apartamento no exterior para uma viagem foi satisfatória. “A melhor vantagem é definitivamente o preço. Dá para conseguir um apartamento espaçoso, bacana e bem localizado por pouco”, destaca. Entretanto, para ela, o que faz falta são as facilidades e mordomias do hotel. “Por exemplo, ninguém vai limpar o lugar durante a hospedagem”, conta. Ela, que utilizou o AirBnB, diz que o site funciona de forma intuitiva e as etapas da reserva são bem claras e fáceis. “Não tive nenhum problema grande nem antes nem durante as estadias”, diz. Quando usar? Helô conta que, quando começa a preparar uma viagem, procura primeiro hotéis. “Mas se está fora do meu orçamento, parto para o aluguel”, conta. Ela também prefere os apartamentos quando viaja a trabalho com um grupo grande, o que barateia os custos. Para a blogueira, a opção de vários quartos e banheiros também é uma boa solução para famílias com crianças. Dentro do apartamento, o hóspede pode utilizar cozinha, entre outras facilidades, o que diminui gastos fora de “casa”. Mas é seguro? Para Helô, é possível confiar nas fotos e nos relatos de pessoas. O pagamento é feito por cartão de crédito e intermediado pelo site. É possível conversar diretamente com o anfitrião do apartamento para definir horários de check in e check out.




Veja também

Viagens curtas de carro são opção durante a pandemia

Home office está surpreendendo os empresários

Reserva online