Durante sua viagem, é essencial contar com uma ajuda extra para definir o melhor caminho

Com o fim do ano se aproximando, as viagens começam a ficar mais intensas e frequentes, certo? Nesse momento, é muito importante definir o melhor caminho, visando diminuir o tempo de viagem e fugir do trânsito. Para isso, apps de mobilidade como o Waze ou Google Maps podem ajudar.

Não é de hoje que os aplicativos estão cada vez mais presentes em nosso dia a dia. Seja para pedir comida, ouvir música, assistir filmes e séries ou também para auxiliar no trajeto até um local desconhecido.

O Waze e o Google Maps são os dois aplicativos mais conhecidos para definir rotas, fugir de engarrafamentos, atentar-se a radares e evitar possíveis zonas de risco. Mas afinal, qual melhor?

Waze ou Google Maps?

Antes de mais nada, é importante lembrar que as necessidades de cada usuário são essenciais para determinar qual a melhor opção.

A primeira escolha

Vale lembrar que o aplicativo de mobilidade como o Waze e o Maps precisa suprir necessidades diárias, tanto para uma viagem de carro, quanto para passeios de bicicleta ou até uma caminhada.

Por isso, para escolher o melhor aplicativo é preciso entender qual é o mais completo.

O Waze é excelente, principalmente na cidade e para quem está de carro. Porém, o Maps oferece outras opções de transporte, como: a pé, bicicleta e transporte público.

Atualizações

A grande sacada desses aplicativos é a atualização em tempo real. Nessa situação, o Waze sai na frente, pois ele permite que os usuários compartilhem informações sobre a rota no exato momento, notificando acidentes, veículos parados e indicando possíveis desvios.

Além disso, o Waze calcula a velocidade média de uma via quando o usuário passa por ela, assim como o aviso de obras nas cidades, que podem alterar a roda.

Dessa forma, a incorporação dos dados é bem rápida e ágil, o que permite ao app uma eficiência maior para encontrar uma rota melhor e escapar dos engarrafamentos.

Sem internet?

Se você não tiver internet móvel ou sabe que corre o risco de ficar sem durante a viagem, é preciso prestar atenção. Nessa ótica, somente o Google Maps permite fazer download de uma área do mapa para acessá-la posteriormente.

Já o Waze realiza o download da rota automaticamente quando se inicia a navegação, ou seja, não é possível utilizar a rota mais tarde. Por isso, não é tão vantajoso durante as viagens, visto que nem sempre os usuários estão ligados à rede.

Portanto, podemos dizer que o Maps é um GPS mais completo, pois além do carro, ele oferece opções para outros meios de transporte e possibilita a navegação offline. Porém, o Waze é excelente se você está em seu veículo e precisa de informações em tempo real sobre a situação nas ruas, principalmente na cidade.

Por isso, a escolha sobre qual aplicativo utilizar varia do que você precisa, seu estilo de utilização e possíveis atitudes que pode tomar.




Veja também

O que as empresas aéreas estão fazendo para melhorar a experiência do passageiro?

465 anos de São Paulo: confira a programação completa dessa festa

Reserva online