Tecnologia

O que é Bitcoin?

Por admin em 27 de Fevereiro de 2014

As criptomoedas estão cada dia mais nas notícias sobre o mundo da tecnologia. A principal delas é a Bitcoin (BTC) que revolucionou a internet e causa divisões entre entusiastas e céticos. Entretanto, é inegável seu sucesso e a novidade que ela trouxe. A moeda digital pode ser utilizada para pagar serviços na internet, em sites como WordPress e Reddit. A BTC é tanto uma moeda quanto uma tecnologia. Ela é um protocolo criptográfico que faz com que uma rede descentralizada, no modo peer to peer (p2p) – o mesmo usado nos Torrents -, funcione de maneira segura para realizar e verificar transações on-line. Esse protocolo é utilizado como dinheiro virtual. Ela se difere de outras moedas pois é controlada automaticamente pelos próprios usuários e não por um governo, banco central ou empresa. Além disso, ela não é emitida. Uso da Bitcoin O empresário Bernardo Quintão é adepto da BTC. “Conheci em 2010, quando ainda estava em fase inicial de testes. A princípio não dei muita importância e não achei que fosse vingar. Mas com o crescimento da comunidade de usuários e à valorização em relação ao dólar e às outras moedas, o Bitcoin se tornou uma alternativa viável de fato e, hoje em dia, dificilmente deixará de ser usada”, conta. Ele afirma que utiliza a moeda virtual diariamente, tanto para pagar por produtos e serviços como forma de investimento. Para ele, a BTC pode ser uma alternativa de reserva de valor para cidadãos de países cujas políticas monetárias não dão conta da inflação. “Particularmente, eu acredito que o potencial de inovação que as cryptomoedas trarão para a humanidade é muito maior do que seu potencial como forma de investimento. Há uma nova fronteira do conhecimento pela frente”, destaca o empresário. Pontos positivos e negativos Quintão explica que o código-fonte da tecnologia é aberto e pode ser verificado por qualquer usuário, o que aumenta a confiança no sistema. Além disso, ele destaca que transferências internacionais convencionais costumam ser caras e demoradas, o que não acontece com a Bitcoin. Como foi criada para ser usada na rede mundial de computadores, ela é mais segura, barata e eficiente que os cartões de créditos. “Há uma expectativa de que quando seu uso for simplificado, poderá dar acesso ao sistema financeiro para bilhões de pessoas no mundo que sequer possuem contas bancárias”, explica. Entretanto, a Bitcoin ainda passa por ajustes. O empresário afirma que os governos mundiais estão se posicionando em relação a essa nova tecnologia, por isso a moeda é volátil e se valoriza e desvaloriza acentuadamente.




Veja também

Como escrever um e-mail corporativo?

5 ótimos passeios bate e volta saindo de Curitiba

Reserva online