O feriado mais doce do ano está chegando! E não importa como você celebra a Páscoa: essa data tão especial é sempre uma ótima oportunidade para reunir a família e os amigos. Aproveite e escolha um destino Deville para ter um feriado delicioso! A Páscoa é uma das datas mais importantes para os cristãos e um dos únicos feriados sem data fixa – ela acontece depois da Quaresma, sempre entre 22 de março e 25 de abril. Sua origem está ligada a Peseach, data em que os judeus comemoram a saída de seu povo do Egito, onde eram escravos. Para os cristãos, ela marca a ressurreição de Jesus, três dias após a sua morte – um período de passagem, transformação e libertação. Com o tempo, o significado da Páscoa se tornou mais abrangente – da festa religiosa à união familiar, perdão, amor, recomeço. E, como não poderia deixar de ser, as tradições ligadas a ela também se adaptaram aos diferentes povos e épocas. Conheça dois dos principais símbolos que hoje fazem parte das nossas comemorações: Ovos de Páscoa O ovo simboliza o nascimento, uma nova vida. E foi esse significado que fez com que ele trilhasse o longo caminho até as cestas de hoje. Curiosamente, a tradição da troca de ovos de Páscoa surgiu no Oriente, região com minoria cristã. O povo local tinha o costume de celebrar a Festa da Primavera com ovos cozidos e enfeitados. Com o surgimento do cristianismo, esse hábito foi adotado pelos seus seguidores como símbolo da ressurreição e se tornou parte da celebração da Páscoa. Por muitos anos, os ovos pintados com imagens de santos, da Virgem Maria e de Jesus foram populares. Na Idade Média, alguns reis chegaram a presentear seus conhecidos com ovos de ouro e pedras preciosas. Os ovos de chocolate surgiram apenas no século 18. A receita veio da França e utilizava o chocolate por ele ser um alimento muito prestigiado. Coelho da Páscoa O coelho também foi adotado por ter sido parte de diversos rituais antigos. Para os povos orientais, ele simbolizava a fertilidade e, frequentemente, era servido em festividades. No Egito, ele simbolizava o nascimento e representava também a lua. Como a Páscoa é comemorada no primeiro domingo após a lua cheia, o coelho foi associado à data. Com o passar dos anos, o coelho se tornou o entregador oficial dos ovos de Páscoa em vários países – e sua chegada é o momento mais aguardado pelas crianças. Ele geralmente esconde o chocolate nas casas e jardins, ou os deixa em cestos e ninhos montados pelos pequenos. A entrega acontece apenas no domingo de Páscoa.




Veja também

5 sites para encontrar histórias incríveis de viagem

Viagens curtas de carro são opção durante a pandemia

Reserva online