Quando se fala na chegada das estações mais frias do ano, alguns prontamente pensam em fazer uma bela viagem, construir bonecos de neve com a família e depois se aquecer em frente a uma lareira; outros, com uma visão mais romântica, preferem queijos e vinhos a dois. A mudança de clima mexe com nossa imaginação e com nossos hábitos. Porém esse também é o período em que as doenças respiratórias aparecem com mais frequência. Para que a sua lembrança do inverno não sejam as gripes, resfriados e alergias, confira algumas dicas para se prevenir nesse inverno. Evite lugares fechados e pouco arejados; o hábito de ficar dentro de casa se “escondendo do frio” ou ir a locais públicos fechados, como shoppings, cinemas, é péssimo para sua saúde. A aglomeração de pessoas nesse tipo de ambiente favorece a transmissão de vírus e bactérias. Também não é saudável a exposição a ambientes com ar condicionado e fumaça de cigarro. Em casa, aproveite os dias ensolarados para abrir bem as janelas e em ônibus, por exemplo, tente abrir pelo menos uma fresta da janela. A higiene é uma grade aliada da saúde em qualquer época do ano. No inverno, não deixe a poeira se estabelecer, limpe tudo com um pano úmido, evitando vassouras e aspiradores que podem espalhar o pó. Mantenha limpas as roupas de cama, especialmente cobertas e edredons. O ideal é lavar suas roupas nos dias de sol, pois as roupas úmidas criam fungos que despertam a rinite e a asma. Aquela roupa que passou o ano todo guardada merece, no mínimo, um dia no sol antes de ser usada. Se puder, lave-a com água quente e algum produto antifúngico, seque ao sol e depois passe a ferro quente. Lave as mãos com frequência, mas evite banhos longos com água muito quente, pois eles provocam ressecamento da pele. Use soro fisiológico para olhos e narinas, em caso de irritação. A alimentação deve ser balanceada com sopas e caldos ricos em verduras e legumes. As frutas são essenciais, principalmente aquelas que contêm vitamina C, como limão, laranja, abacaxi e acerola. Beba bastante líquido. No inverno, as pessoas acabam se alimentando mais e ingerindo, principalmente, alimentos mais calóricos e ricos em gordura, por isso, não deixe o frio fazê-lo trocar a academia e os exercícios físicos pelo sedentarismo. A prática de exercícios regulares mantém o melhor funcionamento do organismo e evita o excesso de peso e as doenças relacionadas ao coração. Nadar, correr e caminhar são especialmente importantes porque aumentam a capacidade respiratória. Para se proteger, a vacinação anual é importante, não causa gripe e evita complicações mais sérias. Caso os sintomas já estejam te incomodando, não se automedique: além dos efeitos colaterais, você pode ser alérgico a algum componente ou, ainda, dificultar o diagnóstico real da doença. Procure sempre um médico.




Veja também

5 sites para encontrar histórias incríveis de viagem

Viagens curtas de carro são opção durante a pandemia

Reserva online