Descubra

Hotel Deville Prime Porto Alegre
12 de Abril de 2016
Brique da Redenção

Atualmente com 180 expositores de artesanato, 70 de antiguidades, 40 de artes plásticas e 10 de gastronomia, o Brique da Redenção começou em março de 1978 com o nome de Mercado de Pulgas, sendo formado inicialmente por 40 expositores de antiguidades. O “brique”, como é chamado carinhosamente pelos porto-alegrenses, é hoje um dos pontos mais tradicionais e visitados da Cidade. Além de ficar junto ao parque Farroupilha, o que dá ao público outras oportunidades de aproveitar melhor o passeio, o local é rodeado por restaurantes de diversas variedades. É lá que o domingo da capital gaúcha mostra a sua cara mais clássica. No local, encontra-se artesanato em diversas matérias-primas, como madeira, ferro, fios, couro, resina, prata, porcelana, vidro e gesso. O setor de antiguidades é um atrativo para os olhos, para a memória e para os colecionadores que procuram peças e objetos raros, indo de um simples chaveiro da década de 1980 até toca-discos de variadas épocas. No setor de artes plásticas, são oferecidas telas, caricaturas, xilogravuras e esculturas. O segmento de gastronomia oferece lanches rápidos e integrais, como quibes, pastéis, biscoitos, empadas, tapiocas e sucos diversos, além de produtos embalados, como mel e bolachas caseiras. Onde (endereço): Avenida José Bonifácio, ao lado do parque Farroupilha – Porto Alegre/RS Horário funcionamento: Domingos, das 9 às 18 horas (exceto nos dias de chuva) Distância do hotel para o local: 9,3km  (aproximadamente 20 minutos de carro) Maiores informações:  www.briquedaredencao.com.br

Compartilhe
Reserva online