A proatividade se tornou uma característica essencial em um profissional e se antecipar aos acontecimentos pode contribuir muito na carreira corporativa. Além disso, ser proativo envolve responsabilidade, positividade, dedicação e motivação. Mas, como desenvolver essa habilidade? De acordo com o presidente do Instituto Brasileiro de Coaching (IBCCoaching), José Roberto Marques, o mercado exige profissionais dinâmicos, versáteis e altamente produtivos e engajados. “Os colaboradores proativos vestem a camisa da empresa e têm senso de coletividade”, diz o master coach senior e trainer. Característica imprescindível Atualmente, as empresas buscam profissionais com o perfil proativo para todos os níveis hierárquicos. Isso acontece, pois as organizações estão valorizando aspectos comportamentais, já que empregados motivados e engajados são mais produtivos e satisfeitos com o trabalho. Desenvolva a habilidade É preciso muito esforço para se tornar um profissional proativo. O coaching é uma forma de ajuda, pois permite o aprimoramento da comunicação, inteligência, controle emocional, flexibilidade, entre outros. Entretanto, é necessário ter cuidado para não invadir o trabalho de outro colega. Veja as dicas de José Roberto Marques, do IBCCoaching, para se tornar um profissional proativo: – Faça planejamentos: antecipe-se, não deixe suas tarefas de trabalho para serem realizadas na última hora, não procrastine; – Não desperdice tempo: elimine tudo que é desnecessário. Desde distrações na internet até alongar-se no cafezinho etc; – Elimine burocracias: seja rápido e direto; – Iniciativa: tome atitude quando você estiver seguro, não espere pelos outros, vá em frente; – Solucione problemas: se você tem um problema em mãos, resolva. Não transfira responsabilidades nem espere por outra pessoa; – Seja atualizado: procure estar atualizado, tanto em sua área profissional, quanto pelo que acontece pelo mundo á fora. – Seja ousado: use sua criatividade e inovação. – Dê o seu melhor: ofereça todo o seu potencial para realizar suas tarefas; – Seja flexível: tenha jogo de cintura para lidar com diferentes situações e abordagens; – Seja disponível: esteja pronto a auxiliar seus colegas quando necessário, e a receber demandas. Seja solícito; – Visão sistêmica: enxergue a empresa como um todo, conheça a cultura organizacional da empresa; – Feedback: receba feedbacks de maneira positiva.




Veja também

5 sites para encontrar histórias incríveis de viagem

Viagens curtas de carro são opção durante a pandemia

Reserva online