Dedicação, proatividade e muito trabalho. Essas são algumas das características que diferenciam os melhores profissionais. As pessoas que atendem a esses requisitos, muitas vezes, pensam em pedir um aumento de salário. Mas, para conseguir esse item desejado, é necessário cuidado e reflexões. Com muitos profissionais no mercado, pedir aumento de salário pode ser delicado. Não se deve pensar que essa é a solução para todos os problemas financeiros do profissional. O aumento salarial acaba sendo mais positivo para quem já tem estabilidade e apresenta um trabalho acima da média. O coach empreendedor Jerônimo Mendes considera que uma autorreflexão é essencial nesse momento. Veja algumas dicas para quem pensa em pedir aumento salarial: – Prepare-se: antes de abordar o chefe, mapeie o seu desempenho. Participação em projetos, resultados obtidos, indicadores, conhecimento da política salarial. Tudo é válido na hora da argumentação. – Programe-se: não aborde seu chefe no lugar errado e na hora errada. Marque um horário com antecedência. O assunto é sério e exige formalidade quanto ao tempo e ao tratamento, isento de interrupções e longe da plateia. – Evite comparações: você não deseja aumento porque os seus colegas ganham mais e sim porque tem o “hábito de caminhar um quilômetro extra”, aplica todo o seu potencial e sempre vai além do que é solicitado. Quem deve avaliar é o chefe. – Seja profissional: sua dívida não é problema do chefe, portanto, nada de mencionar carnês, empréstimos, limite de cheque estourado etc. Salário também é uma questão de disciplina, ou seja, de saber viver com o que se ganha. – Seja íntegro: nunca utilize o argumento “recebi uma proposta melhor”. Imagine que o chefe pode aconselhá-lo a aproveitar a oportunidade e você ficará sem saída, portanto, nada melhor do que a transparência, apesar de tudo. – Be quiet: salário é uma questão pessoal e diz respeito somente ao interessado. Cada profissional tem uma história na empresa, portanto, ninguém precisa ficar sabendo quanto você ganha nem quanto conseguiu de aumento.




Veja também

Viagens curtas de carro são opção durante a pandemia

Home office está surpreendendo os empresários

Reserva online